Blog

12/01 Salários devem aumentar em 2012



Fonte: Revista Você RH Calcula-se que os funcionários do Brasil recebam aumentos salariais de 7,4% em 2012, de acordo com a última Pesquisa de Tendências Salariais feita pela ECA, empresa de gestão de transferências internacionais. Trata-se de um aumento de 6,1% em relação a 2011. Porém, vale ressaltar que, com a inflação para o Brasil calculada em 5,2% no próximo ano, este valor (7,4%) será reduzido a 2,2% em termos reais. De qualquer forma, o país ocupa o terceiro lugar no ranking dos países da América Latina que devem ter os salários mais inflacionados. Estima-se que os latinos tenham um dos maiores aumentos salariais do planeta em 2012. Na Venezuela, por exemplo, os ganhos devem registrar elevações de 30%. Os funcionários da Argentina podem esperar, em média, um aumento de 20%. Embora o impacto da inflação signifique que os aumentos salariais reais (a diferença entre os aumentos salariais e a inflação) será de 5,7% e 8,2% nestes países – Venezuela e Argentina, respectivamente –, os índices ainda podem ser considerados altos. Já as companhias americanas e canadenses preveem aumentos salariais de 3% para seus funcionários no próximo ano. Em termos reais, os aumentos salariais permanecerão estáveis em ambos os locais. Considerando a inflação, os aumentos salariais reais serão de 1,8% e 0,9%, respectivamente, em 2012. Destaques pelo mundo Globalmente, calcula-se que os aumentos salariais nominais cresçam um pouco acima da média de 5,3% deste ano para aproximadamente 5,6%. Na região Ásia-Pacífico, espera-se um aumento de 6,3% para o próximo ano. O crescimento dos ganhos é tendência na região, onde existe a necessidade de atrair talentos para atender ao crescimento dos mercados. As empresas na Índia e no Vietnã preveem um aumento salarial de 12% para o próximo ano. Já os funcionários do Japão devem ter os aumentos mais baixos da região, na casa dos 2,3%. Na China, a previsão é que os salários cresçam 8,5% –  com a inflação atualmente calculada em 3,3% no próximo ano, os funcionários devem ter um aumento salarial real de 5,2% em 2012, o maior da região. Na Europa, calcula-se que os maiores aumentos ocorram em empresas na Rússia - os funcionários devem ter aumentos de 10% no próximo ano. Mesmo considerando a inflação, eles também devem receber os maiores aumentos da região, em termos reais. Os aumentos mais baixos devem ser registrados na Irlanda, onde se calcula que o crescimento seja de 2,3%. Em média, os salários deverão aumentar de 2,9% na Europa Ocidental e 4,9% na Europa Oriental no próximo ano. No Oriente Médio, calcula-se um aumento salarial de 5,9% para empresas pesquisadas na Arábia Saudita e 5% para aquelas com base nos Emirados Árabes Unidos (EAU). A Pesquisa de Tendências Salariais da ECA, realizada anualmente, acompanha os aumentos de remuneração das empresas em 60 países.